quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Por que homens perdem o fascínio!

A vantagem de você jogar aberto com as pessoas de senso crítico apurado é que com o tempo as questões podem ser vistas com mais clareza.
Mary minha ex, agora amiga e casada (outro maluco levou, graças a Deus!) é um doce de pessoa, mas na mão dela passei por maus bocados viu.Primeiro ela é de escorpião, segundo é daquelas damas que falam baixo e usam os talheres impecavelmente silenciosos ao contato com o prato.
Pois é, algumas relações com o tempo perdem a notoriedade. Ao enfrentar problemas em seu casamento, ela me veio com um questionamento atroz:
- Paulo, porque todas as relações que eu me envolvo começam com champanhe e terminam com café dormido e amargo?
Respondi:- Minha cara dê-me um tempo para pensar.
- Tudo bem, te ligo amanhã (viram? Coisas de escorpião!).
Rememorando fatos do passado, percebi porque a vida amorosa dela era uma escalada invertida, começava com o fascínio e êxtase do cume, para chegar ao desolamento da base.Ela, uma mulher bonita, educada, fina, elegante, ela é naturalmente uma fêmea que se destaca em qualquer ambiente.
Aí você conhece essa Deusa, saem e enfim pensa: Vou amarrar meu burro aqui.Com o tempo você percebe que você amarrou sua montaria em lugar tipo charco, muito, mas muito inconstante.
Ela começa a implicar com suas amigas e amigos. Você abre uma exceção.Entope teu banheiro (onde você reinava sozinho) com cremes, xampus, sabonetes, que demorariam vinte anos para serem todos usados. O ato de lavar o cabelo e fazer a barba, ganha dimensões estrelares, tem uma porrada de rótulos a serem lidos. Você acaba fazendo a barba com um creme especial para escova de íons. (que porra é essa? Jornada nas estrelas?)Ainda no banheiro, aquele roupão que você adora que ficava pendurado na porta, ela retira, sob a alegação que é antiestético. Você com frio fica, mas sai resignado.E aí a incoerência total... você abre o chuveiro e sente algo frio, putz...calcinha pendurada no registro... puto da vida você grita:
-Maryyyy, dá para tirar isso daqui, por favor?
A vida segue.Vocês se casa e ela muda de vez para o seu apartamento.Têm uma filha linda!Fica sem dormir durante 3 meses.Aprende a trocar fraldas ,a fazer mamadeiras , a não jantar ,a não sair mais com os amigos...
A vida segue.Você começa a perceber que a Deusa estava lentamente se transformando em sapa.Só se arruma quando vai trabalhar
Eis que um belo dia você chega em casa e aparece o início do fim!Está ela, com cabelo desgrenhado e com o insuportável moletom de meleca...Isso mesmo! Moletom de meleca... Leiam mais uma vez: MOLETOM DE MELECA!Aqueles que vocês colocam suas delicadas mãos femininas para dentro da manga e após um choro copioso ou um mega resfriado, ficam passando para lá e para cá no nariz, como se fosse vendedor de bala no sinal de trânsito.Além disso as calcinhas viraram shorts de time de futebol, mega enormes! Roupas sedutoras e sexy´s? Nem pensar! São desconfortáveis segundo ela! Você se sente como se tivesse um homem em casa (que não seja você).Quando o cara acorda, mermão... aí f*... é o tal café dormido amargo.
Após pensar muito e montar toda essa teoria, liguei para Mary e marcamos um almoço...Expliquei detalhadamente os fatos e aí... vi em seus olhos o arrependimento por ter sido tão cruel e lá foi ela ter DR com o maridão!Resultado?Carlos, marido dela me agradece até hoje!
Pelo jeito não salvei meu casamento,mas salvei o deles.Por isso,virei ermitão!

17 comentários:

Quase Trinta disse...

bom se um dia vc se casar novamente pode deixar q qd sua princesa virar uma sapinha eu dou esse post pra ela ler ok??? (já que com a Mary vc não teve ajuda prometo te ajudar na próxima) rs

Ocorrências cotidianas... disse...

uahuahuahuhah]
bolei de rir!! realmente nós mulheres somos espaçosas mesmo! uahuhauahuhhaua
bem divertido,mas a verdade é cruel! uahuahuahhuha

Lilian Devlin disse...

Oi Paulo!
É, isso realmente acontece. A tal da acomodação é uma armadilha difícil da gente sair. Bem faz a minha mãe, que mesmo depois de passados quase 55 anos de casada, ainda se arruma, se pinta e perfuma toda, para o meu pai. Pode ser essa uma das explicações para uma casamento tão duradouro.
E que bom que vc acabou a ajudando a enxergar como sair de mais uma cilada da vida, parabéns!
Beijão procê!

Lê... disse...

Paulo querido,rindo muito dessa história,mas ela me tem um sabor dejavu...rsss
Ah,será mesmo que é assim em todos os casamentos?No meu foi...mas no caso,nunca descuidei de mim e nem ele dele,mas a 'segurança e correria' do dia a dia, descuidou de nós...

beijão.

Crys disse...

kkkkkk Moletom de Meleca foi bom...mas,eu nunca usei isso não.viu?Nem limpei meleca nele..isso é coisa de gente porca..rs

Vcs homens querem sempre uma bonequinha de luxo perto ,mas vcs mesmo nem ligam para aparência depois que casam...
Ainda bem que vc ,pelo menos,salvou o casamento de sua ex...rs

abraço

Lu Olhosde Mar disse...

hahahahahahahaah - rapadura é doce,mas não é mole não..... só quem viveu é que sabe... um beijo! da ermitã em Macaé.

Círculo Literário disse...

Um blog muito interessante!!Te achamos no blog da Rô e viemos fazer uma visitinha!!!
"A Vida é um Combate que aos fracos abate e aos fortes conduz..."

Giselle disse...

Charmosão ...
não é a toa que vc é um home nobre e charmoso, rs...
Taí, vc me descreveu inteirinha no meu casamanto fracassado, kkkkk
Mulher é um bicho complicado né?
Ainda bem que hj vc a ve como uma grande amiga, lhes admiro ...
Pois hj em dia isso é raro ...
Paulo, passa lá no meu blog que ganhei um selo comemorativo, e ofereci a ti também ...
Beijos

HSLO disse...

Gostei muito do seu blog..viu.
Vou te linkar no meu

abraços

angel red disse...

Adorei. Meus amigos sempre falavam sobre isso. Ficarei atenta se um dia casar. Qnt ao moleton de meleca nunca usei não, eca.
Pq qnd nos tornamos amigos dos ex sempre salvamos os relacionamentos deles? Salvei o do meu ex algumas vezes. Vou pensar sobre isso.
Bjoks

Aninha disse...

Olá,Winter

Isso é sério,hein..Por que a intimidade sempre tende a estragar o romantismo,hein?
E,olha ambos são responsáveis,pois os homens são piores ainda.Tenho visto cada coisa!!!
Presta atenção!rs

Sucesso com a próxima

Paula disse...

Pôxa, Paulo, que coisa a sua ex, hein? Agora, você está certo de que é um ermitão? Pena, pena...

beijos

Celamar Maione disse...

Olá, amigo !
Gostei da sua postagem...
Nós queremos tanto
nos relacionar com Deuses e
Deusas e criamos tantas expectativas.
Aí não dá certo mesmo, pois somos ainda tão humanos ...!!
É claro que sem " moleton de meleca ".
Beijão e excelente final de semana.

analista de sentimentos disse...

hahahaha
muito bom! É uma espécie de análise crítica que futuramente pode se tornar auto-crítica não?!
Abs.

disse...

Acho que é por tudo isso tudo que você relatou que eu não deixei meu casamento acabar, e olha que ele já dura quase 34 anos!
Faço parte da Postaral da família trabalhando com noivos,na minha Paróquia(sou católica) e uma da coisas que se fala muito é tudo isso que você descreveu. Nós homens e mulheres não podemos deixar o encanto acabar pois devemos nos cuidar sempre para a pessoa que um dia escolhemos para nossos companheiros. Não trabalho fora, resolvi abdicar de minha vida profissional para poder criar meus filhos e nem por isso deixei minha vaidade de lado, não virei uma dona de casa com avental sujo de ovo e muito menso vivo cheirando a óleo de fritura. Meu esposo também é o homem mais cheiroso que existe, sempre bem arrumado e muito lindo(gostoso mesmo).
E uma das coisas que os casais de hoje em dia não se dão conta é de que casamento é todo dia, todo dia devemos renovar nossas promessas de um dos sacramentos mais importante que existe pois se a família acabar o que será desse mundo???

Beijos meu querido também estava com saudades de ti e agradeço sua visita e suas palavras de carinho!

Rô!

L.Cherry disse...

Primeira vez que venho aqui, e me deparo com o seu estranhamento com as mulheres de escorpião.
Concordo com isso dela ter virado "outra pessoa", mas não entendi o seu estranhamento com o signo.
hahaha.
Um abraço!

Dórothy disse...

(kkk)
perfeito, morri de rir...engraçado como se pode rir dos próprios erros quando contados por outras pessoas.
A propósito vc pode ter salvo outro casamento (o meu)kkkk
BjooO